• Rodovia PR-407, Km 19, 215 - Praia de Leste
  • (41) 3455-9600
  • prefeitura@pontaldoparana.pr.gov.br Telefones Úteis

  • HORÁRIO DE ATENDIMENTO: DE SEGUNDA A SEXTA DAS 08H00 ÀS 12H00 E DAS 13H30 ÀS 17H00
  • PONTAL DO PARANÁ SEDIARÁ O ENCONTRO SUL-BRASILEIRO DE CAPOEIRA

    Sexta-feira, 08 de julho de 2022

    Visualizada 102 vezes

    Luiz Michelin Junior - Imprensa


    Lideranças da Capoeira de Pontal do Paraná e do estado reuniram-se ontem com o Prefeito Municipal de Pontal do Paraná, Rudão Gimenes no gabinete da Prefeitura Municipal, para tratarem da realização do Encontro Sul-Brasileiro de Capoeira que ocorrerá entre os dias 25 e 29/08/22 em nosso município.

     

    Confira a programação do Encontro:

    25/08/22 – Abertura do Encontro Sul Brasileiro de Capoeira no Centro de Capacitação da Prefeitura Municipal de Pontal do Paraná.

    26 e 27/08/22 – Oficinas, batizados de Capoeira e palestras na Escola Municipal Pinto da Silva.

    29/08/22 – Encerramento com uma Roda de Capoeira no calçadão de Santa Terezinha.

     

    Augusto Pereira Camargo (conhecido como instrutor Makako), é membro do CMPIR (Conselho Municipal de Promoção da Igualdade Racial) e fundador da Escola de Capoeira Dendê Caiçara, ele é um dos coordenadores do Encontro que vai ocorrer em Pontal do Paraná, juntamente com o monitor Alan Deivid Cordeiro Seniuk (conhecido como Godsila).

     

    Ele conta que virão capoeiristas de todo sul do Brasil: “Serão quatro dias de oficinas e homenagens aos mestres, para trazermos à tona a importância que a Capoeira tem para nossa sociedade, enquanto esporte, cultura e educação. Estamos fazendo este evento para conseguirmos levantar a Capoeira aqui no município.

     

    Traremos mestres que são referências mundiais em Capoeira, viajam o mundo inteiro para dar oficinas, palestras, trazendo o conhecimento deles. Um deles é o Mestre Sergipe, que foi o pioneiro da Capoeira aqui no Paraná. Foi quem trouxe e começou a lecionar em nosso estado. O restante da Capoeiragem que nasceu saiu da escola dele.

     

    Fazemos um convite para a galera do litoral, quem quiser participar, para Capoeristas e para quem não é deste esporte.

     

    Iremos falar da educação, da Capoeira dentro da escola, como ferramenta educacional, combatendo o preconceito e todo e qualquer tipo de violência”, comentou o Instrutor Makako.

     Outras Notícias